quarta-feira, 28 de março de 2012

desafio #04: aquele da música que o outro escolheu

NOS CAPÍTULOS ANTERIORES DE REMÉDIOS DE MARTE:
Dois estudantes de Comunicação com canetas na mão e nenhuma ideia na cabeça, resolvem que podem criar o blog de nome com o significado mais ridículo da face da terra para desenhar aleatoriamente e sem propósito, seguindo desafios completamente descomprometidos com a situação social atual [vide aquela baixaria sem limites que o Vitor propôs no desafio #03, né, sem comentários (por mais que eu tenha gostado de fazer e rs, minha função é tumultuar mesmo sou nem obrigado)].

Mas essa semana, com as melhores intenções do mundo, eu propus que fizéssemos algo mais viajoso. Cada um escolheria uma música para que o outro pudesse desenhar a sensação e as impressões que a música causou em sua psiquè. QUEM ESTOU TENTANDO ENGANAR eu só queria mesmo era ver o Vitor desenhando algo um pouco mais obscuro que o normal. Sendo que eu não contava que o feitiço fosse voltar contra o feiticeiro e eu tivesse que desenhar algo feliz e saltitante como o peste me fez fazer:


A música que o Vitor me deu pra trabalhar foi Lucky Day da Nicola Roberts, que PUTAQUEOPARIU não tem música mais alto astral que essa. E eu comecei rascunhar, rabiscar riscar, e percebi minha total incapacidade de fazer desenhos felizes. Sendo que isso eu já tava passando por um dia péssimo e o fato de não estar conseguindo desenhar nada feliz só piorava o meu humor. Ainda cheguei a fazer um rabisco legal e pedantinho mas eu vi que fugia à proposta. Daí mais tarde, depois de ir pra livraria da universidade comprar um livro e sair com quatro na mão (SIM QUALQUER LIVRO TENHO COMPULSÃO E FUNCIONA COMIGO FICO FELIZ QUANDO COMPRO LIVRO OK E VC QUE É FEIO?), as ideias começaram a fluir mais e bruna me sugeriu que eu desenhasse uma menina encontrando uma moeda de 10 centavos e o prazer das pequenas coisas e blablablá whiskas sachê quem se importa. Sei que no fim das contas cheguei a esse desenho e que as proporções e profundidade não são as melhores, mas gostei muito do resultado final. Pelo menos ESBANJA felicidade e energia positiva, né?

O que nos leva à armadilha que eu lancei pro Vitor e...

Música: Florence + The Machine - No Light, No Light
O Aure podia ter escolhido uma música mais fácil da Florence pra mim, né? Poderia ser Heartlines, Landscape, Shake It Out ou Dog Days Are Over (pra essa eu teria uma ideia ÓTIMA haha). Mas não. Ele tinha que me dar No Light, No Light, que tem uma letra subjetiva e um clipe assustador. Ele esperava um desenho mais sombrio, e nesse ponto acho que decepcionei. Preciso aprender a desenhar umas coisas macabras, porque tudo meu é fofinho demais, rs. Esse meu desenho mostra por um novo ângulo a queda da Florence na igreja. Essas coisas coloridas são os vidros se espatifando em suas costas, enquanto ela faz essa cara blasé maravilhosa porque sabe que tem um monte de coroinhas lá embaixo esperando pra segurá-la, rs.
Não foi dessa vez que o Vitor desenhou umas caveiras penduradas e bonecos de vodu ))))): mas a gente continua nessa batalha pra que um dia aconteça. Podem sugerir mais desafios, estamos anotando todos (na verdade não sou eu, é o outro blogueiro que diz que está). Espero que vocês tenham um bom resto de semana e que divulguem esse blogue, se o acharem interessante E AS RECALKADA PODEM FALAR MAL À VONTADE PORQUE RECALK DE PUTA DEUS NÃO ESCUTA bjks

e vocês tietes do vitor não se esqueçam de seguir o @oiaure tchererê tchetchê

CENAS DO PRÓXIMO EPISÓDIO DE MEDICINA MARCIANA:
Os guerreiros dessa nave louca perderão suas noites de sono para desenhar versões de suas princesas Disney preferidas. Eu vocês daria esse acesso pra eles não morrerem de depressão.

domingo, 25 de março de 2012

desafio #03: giant goldfish palette


"O QUE ELES APRONTARAM DESSA VEZ?". Foi isso que você pensou ao ler o título pedantíssimo desse nosso terceiro desafio, e como eu não tô aqui pra fazer gracinha (tipo o Aure rsss), vamos direto às explicações:

Dia desses descobri um site bem legal chamado COLOURlovers, que tem um arquivo gigante de paletas de cores criadas por gente do mundo inteiro. No meio de tanta cor combinando, eu decidi escolher essa combinação aqui: 

Giant Goldfish /o/
O desafio é simples. Cada um de nós tinha que fazer um desenho usando APENAS essas cores. Sem preto, sem branco, sem sombreamento, NADA. Só essas 5 cores e nenhuma outra. Então, como de costume, a gente começa pelo desenho de quem propôs o desafio (Vitorzin, no caso rs):

Fui burrão. Na hora de escolher a paleta para o desafio eu fui na que eu achei mais bonita, e nem pensei na praticidade do desenho. As cores são bem parecidas, eu eu tive que fazer 3 versões de cor, mudando o fundo, o contorno, os narizes etc, até chegar na versão final. Mas é pra ser um DESAFIO não é? Então foi ótimo, rs. Sobre o próprio desenho, eu poderia inventar significados pra ele aqui (tipo a PLURALIDADE da sociedade UHAUHA), mas não tem nada disso não. São só uns rostos de gente conhecida e gente inventada, que eu decidi amontoar num desenho só. Até pensei em um dia criar uma série de ilustrações dessa, páginas e páginas de rostos. Daí eu crio um livro e chamo de "Facebook, literalmente". Vamos guardar essa ideia, rs.
E agora, essa coisa linda e mYsTica de Aure: 

Quando Vitor propôs o desafio eu disse: “CÊ PIROU, NÉ?”. Eu fiquei sem saber o que fazer porque né? Nêgo me dá paleta com 5 cores, sendo que são praticamente só 3, devido a semelhança entre elas, e na paleta não tem preto ou qualquer coisa que na minha concepção pudesse sugerir um contorno. Respirei fundo e fiz o que qualquer pessoa sensata faria: deixei tudo pro último dia, sendo que nenhuma idéia tinha vindo ainda na minha cabeça, daí eu catei uma das minhas 300 coletâneas de lewis carroll e decidi que ia ser aquilo mesmo. Acredito que todos vocês conheçam Alice Liddel e o Coelho Branco (depois de 7 sessões de bronzeamento artificial).

Então é isso, rs. Desafio do final de semana concluído. Seria muito legal se vocês deixassem aqui embaixo seus comentários e opiniões. Mas seria mais legal ainda se vocês mandassem sugestões de desafios pra gente. Bom final de semana pra todo mundo, bjoks. 

quarta-feira, 21 de março de 2012

desafio #2: gatos =^.^=

Olá, aqui é o @oiaure, tudo bom com vocês? Eu vou bem, obrigado (mentira). NÃO ESTOU BEM porque hoje é aniversário de um amigo meu e eu não vou poder  ir cantar no karaokê do bar do chico por causa de qualquer coisa na faculdade. Mazenfim, passado esse desgosto:

Nosso segundo desafio foi proposto pela porção nordestina do duo (no caso eu) e consiste em desenhar gatos. Sim, gatos. Porque "não é hora de desenhar paquitas drogadas decadentes ainda, aurê". Daí resolvemos ir desses felinos que são as estrelas do instagram e os deuses dos hipsters, para ver se conseguimos movimentar um pouco o número de acessos desse blogue RS. (na dúvida, faço algum comentário gratuítissimo anti-designers, daqui pro fim).

Vocês querem ver primeiro o meu ou o do Vitor? (o do vii....) ENTÃO... O meu desenho...



Eu sempre tive um complexo muito grande de Alice no País das Maravilhas, então eu tentei fugir ao máximo do estereótipo do Cheshire Cat. Como eu esperava que o Vitor fosse fazer algo mais ALTO ASTRAL decidi partir pra vertente mais sombria sem perder um pouco das minhas cores fortes. O fato dele ser esguio e tal, me lembra muito a pantera cor de rosa e no fim das contas o próprio formato dele ficou parecendo de um gato egípcio tipo aquele do clipe de bad romance. O Vitor me ajudou muito com as texturas e outras burocracias de exportar imagem e o escambau.
U txi nush deisha cum esha fufula ti u vituxu feish: u gatushu maish lindushu dji todush =^.^=


Eu não sou muito experiente em desenhar animais, porque tô sempre desenhando gente. Daí coloquei uma camisa xadrez, uma gravata borboleta e um par de óculos pra fazer o gato mais gay/hipster/pedante que você já viu, rs.
Ou ele fala pouco ou sou eu que falo demais - não sei (na verdade não estou muito me importando~). Daí que eu cheguei em casa da universidade, acho que segunda e o vitor tinha postado os rascunhos dos gatinhos dele e: 


Daí eu fui imitar, né?


MAS GOSTARIA DE DEIXAR BEM CLARO QUE NÃO É UMA COMPETIÇÃO, BELEZA? Enfim, espero que estejam gostando do blog, achando a gente lindos e tudo ótimo. Mas se não tiverem também pode falar que a gente é crescido e sabe levar crítica (que mentiiiiiira). Ajudem a divulgar a gente que a gente fica feliz e tal e :D

bjks a tds

aureliano

domingo, 18 de março de 2012

desafio #1: apresentação

Esse é o Mars Medicine. O blog que eu e o @oiaure criamos pra praticarmos juntos nosso gosto por ilustrações a partir de desafios que vamos propondo um pro outro. A ideia é simples, não tem mistério. Um de nós sugere o desafio, a gente faz o desenho e posta aqui no blog.

E pra começar, eu trouxe um desafio bem criativo só que ao contrário. Eu desenho/apresento o Aure. Aure desenha/apresenta o Vitor. Assim vocês ficam conhecendo a gente, sob a perspetiva do olhar do outro e (insira uma justificativa pedante aqui). Vamos começar :D

Esse é o Aureliano. Claro que ele não tem o cabelo rosa, e 4 braços, mas o que eu fiz nesse desenho foi representar (quase) tudo que ele faz. Ele é escritor, desenha, filma curtas pedantes, lê tarot, é meio jornalista, finge que é DJ e trabalha com alguma coisa de redes sociais, não lembro rs. Tudo que você precisar, ele faz. Aure ainda tem cara de Charlie Brown, e isso explica a camisa. É.


E esse é o Vitor. Bem, não exatamente. Mas o vitor tem essa autoestima altíssima que está representada no desenho, o problema é que ele ainda não a encontrou. Mas esse friburguesinho (RYSOS) é um ariano incorrigível que gosta de tons pastéis, sertanejo universitário -ISSO EU NÃO SEI SE EU PODIA COLOCAR-, filmes e pizza. Está terminando o curso de jornalismo, mas trabalha roubando as vagas do pessoal de Design. Daí quis dar a ele essa cara de crítico de cinema + woody allen + rockstar + i'm sexy and i know it e trabalhar menos com o meu lado irreal e fantasioso, que foi no caso o que ele fez no desenho desse lindo acima do acima.
Bem, eu, Aureliano, não sou muito prático no que diz respeito à finalização digital dos meus desenhos, mãns tenho a intenção de ir aprendendo aos poucos com os que forem postados aqui e espero que vocês acompanhem essa nossa egotrip maravilhosa e não levem como competição PORQUE NÃO ESTAMOS COMPETINDO.

bjks